Notícias da CCR ViaOeste

Notícias

17/12/2015 | Obras

CCR ViaOeste realiza duplicação da Raposo Tavares entre o km 63 e o km 67

A obra de duplicação no trecho entre São Roque e Mairinque também reformula o dispositivo de retorno do km 66+300, garantindo mais segurança e conforto para os usuários.

A CCR ViaOeste realiza a duplicação da Raposo Tavares (SP-270) entre o km 63 e o km 67, entre São Roque e Mairinque. A previsão da concessionária é que a obra, iniciada em novembro passado, seja finalizada em março de 2017. Além da duplicação, a concessionária também reformulará o dispositivo de retorno do km 66+300, adequando-o para as novas pistas. Serão desembolsados cerca de R$ 75 milhões.

Na fase atual, a concessionária realiza obras entre o km 63+500 e o km 64. O trecho duplicado será contemplado com duas faixas de rolamento em cada sentido da rodovia, além do acostamento. A obra também compreende a instalação de barreiras rígidas, defensas metálicas, telas anti-ofuscantes, além de nova sinalização vertical e horizontal.

Além das melhorias, que trarão mais segurança para os motoristas que utilizam o trecho, destaca-se a adequação da rodovia para a passagem e travessia dos pedestres, que contará com novo passeio adjacente às faixas de rolamento, além de três novas passarelas e uma rampa de acesso.

Como parte da duplicação, a concessionária também reformulará o dispositivo de retorno do km 66+300, principal acesso de Mairinque pela rodovia. A nova geometria reorganiza os movimentos de acessos e retornos na rodovia, eliminando os cruzamentos em nível e, consequentemente, evitando os entrelaçamentos dos veículos.

O presidente da CCR ViaOeste, Eduardo Camargo, destaca que a obra de duplicação é importante indutor do desenvolvimento da região, que tem profunda relação com a rodovia. “Além de adequar o segmento da rodovia à demanda atual de tráfego e garantir mais fluidez o tráfego, a duplicação trará mais conforto e segurança para os motoristas”. Camargo aponta que serão gerados 240 empregos diretos e cerca de 450 indiretos com a obra.

Assessoria de Comunicação CCR ViaOeste

Matheus Clemente (11) 2664-6093 / (11) 9 9940-8526

Condições das Rodovias (24h) – 11 | 2664 6133 / 2664 6102

www.viaoeste.com.br

 

Sobre a CCR ViaOeste: A CCR ViaOeste é responsável pela administração do Sistema Castello-Raposo e gerencia 168,62 quilômetros de rodovias, compreendendo as Rodovias Castello Branco (SP-280), de Osasco a Itu; Raposo Tavares (SP-270), de Cotia a Araçoiaba da Serra; Senador José Ermírio de Moraes (SP-075), de Sorocaba a Itu e Dr. Celso Charuri (SP-091/270), em Sorocaba. Foi a sexta concessionária a integrar o Grupo CCR.

Sobre o Grupo CCR: Fundado em 1999, o Grupo CCR é uma das maiores companhias de concessão de infraestrutura da América Latina. Controla, atualmente, 3.265 quilômetros de rodovias sob a gestão das concessionárias CCR NovaDutra (SP-RJ), CCR ViaLagos (RJ), CCR RodoNorte (PR), CCR AutoBAn (SP), CCR ViaOeste (SP), CCR RodoAnel (SP), Renovias (SP), CCR SPVias (SP) e CCR MSVia (MS). Também faz parte do controle acionário da concessionária ViaRio, responsável pela construção e operação do Corredor Expresso Transolímpica, no Rio de Janeiro. O Grupo CCR atua ainda em negócios correlatos, tendo participação de 34,25% na STP, que opera o serviço de cobrança automática de pedágios e estacionamentos. O Grupo CCR também atua no setor de transmissão de dados de alta capacidade por meio da Samm, empresa prestadora de serviços de comunicação multimídia e conectividade IP com mais de 4.700 quilômetros de fibra óptica subterrânea e aérea. Além disso, o Grupo CCR está presente no segmento de transporte de passageiros por meio das concessionárias ViaQuatro, CCR Barcas e CCR Metrô Bahia, responsáveis, respectivamente, pela operação da Linha 4-Amarela de metrô de São Paulo, pelo transporte aquaviário de passageiros no Rio de Janeiro e pelo sistema metroviário de Salvador e Lauro de Freitas, além de ter participação na concessão do VLT Carioca (Veículo Leve sobre Trilhos), que interligará a região portuária e o centro do Rio de Janeiro. O grupo ingressou, em 2012, no setor aeroportuário, com a aquisição de participação acionária nas concessionárias dos aeroportos internacionais de Quito (Equador), San José (Costa Rica) e Curaçao. No Brasil, possui a concessionária BH Airport, responsável pela gestão do Aeroporto Internacional de Belo Horizonte, em Minas Gerais. Comprometida com o desenvolvimento sustentável, a CCR assinou o Pacto Global da ONU e, em 2015, faz parte da carteira teórica do ISE (Índice de Sustentabilidade Empresarial), da BM&FBovespa, pelo quarto ano consecutivo. Emprega, atualmente, cerca de 13 mil colaboradores.

 


Baixar essa noticia em PDF.
Voltar